top of page

Eu escolhi não me magoar mais


Outro dia me dei conta de que tenho me magoando menos. Amadurecimento, provavelmente, mas também percebi que ao me afastar fisicamente de quem me magoa, fica mais fácil evitar que eu continue remoendo certos sentimentos.

O importante é ter em mente que não será qualquer um a te magoar. Não são todos que têm esse poder sobre você. A mágoa é causada por alguém que se tem em alta conta, a quem se considera e se dedica algum sentimento bom.

O que você sente quando seu chefe é rude com você é qualquer outra coisa, menos mágoa. Você se sente injustiçado, perseguido, desvalorizado, chateado, mas a mágoa só pode existir se, além de seu chefe, ele é de alguma forma alguém de quem você gosta bastante. Já tive chefe amiga, felizmente ela era uma pessoa justa, não concordava com tudo que eu fazia, não passava a mão na minha cabeça e sempre que precisava, chamava a minha atenção, mas nunca o fez de maneira a me magoar. Gosto de pessoas assim, que não magoam.

Há algo na mágoa que me fascina, ela pode ser evitada. Você pode evitar se magoar, é um aprendizado, algo que se exercita. Não há, porém, como evitar que junto com a capacidade de não se magoar, perca-se o apreço e a pessoa, objeto da sua não-mágoa, passe simplesmente a não ser alguém com quem você se importa. O que é bom, se esse alguém vem te magoando sucessivas vezes, não tem porque mantê-lo em sua vida. Não há história que baste para manter uma amizade, as amizades se renovam e você tem de dar permissão para que algo fique ou se vá. Decida hoje por você, por se cercar de pessoas que seriam incapazes de te magoar intencionalmente e que, caso venham a te magoar sem saber, estejam abertas a ouvir de você que elas falharam em não te magoar. Vamos todos exercitar a não-mágoa, vigiar para não ser o alguém que anda magoando e vamos manter por perto não só as pessoas com as quais você se importa, mas também aquelas que se importam com você. Não existe amizade unilateral, é preciso reciprocidade!

Imagem de arquivo pessoal

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page